Mudar site para idioma português Mudar site para idioma inglês Mudar site para idioma espanhol

Português

Informativos

  • HOME
  • - INFORMATIVOS

17042014

Exportações de arroz crescem 20,5% em março

 As exportações brasileiras de arroz (base casca) cresceram 20,5% em março de 2014, o primeiro mês do ano-safra 2013/2014, que iniciou em 1º de março de 2014 e encerra em 28 de fevereiro de 2015. O volume atingido foi de 135.036 toneladas, contra 112.055 toneladas embarcadas em março de 2013. Em relação ao mês anterior, fevereiro de 2014, as exportações cresceram 113,7% em março passado. Cabe destacar que, do volume total exportado em março de 2014, 53% foram quebrados de arroz.

  O volume exportado em março de 2014 ficou 34,9% acima da média mensal do ano-safra 2012/2013, que foi de 112.055 toneladas. No período, as exportações de arroz atingiram 1.201.396 toneladas, contra 1.470.492 toneladas embarcadas no ano-safra anterior (2011/2012). Portanto, no ano-safra 2012/2013, as exportações superaram as importações em 235,5 mil toneladas.   Enquanto isso as importações brasileiras de arroz recuaram 40,7% em março de 2014 atingindo 56.257 toneladas, contra 94.880 toneladas em março de 2013. Em relação ao mês anterior, as importações recuaram 12,1%. O volume importado em março de 2014 ficou bem abaixo (-30,1%) da média mensal do ano-safra 2012/2013, que foi de 80.483 toneladas. Em 2012/2013, as importações brasileiras de arroz totalizaram 965.799 toneladas, contra 1.077.283 toneladas importadas no ano-safra anterior, de 2011/2012.   Segundo o consultor de mercado Carlos Cogo, os preços do arroz em casca no Rio Grande do Sul encontram sustentação neste início de abril, refletindo o mesmo quadro visto deste a segunda quinzena de março. O preço médio atual está 13,1% em termos nominais superior ao registrado no mesmo período do ano passado, quando o produto estava cotado a R$ 30,40 por saco de 50 quilos. “O movimento segue a tendência vista na safra passada, com as exportações superando o volume de importações. Isso ajuda a explicar os preços em alta aos produtores em pleno pico da colheita da safra 2013/2014. O preço ao produtor encontra sustentação em pleno pico de safra, fato que já vem se consolidando nas últimas colheitas”, salienta.   Fonte: Arrozeiros do Alegrete

Cadastre-se e receba nossos informativos em seu email.

Associação Brasileira das Indústrias de Arroz Parboilizado – ABIAP
Rua Chaves Barcelos, 36/605 – Fone: (51) 3227-2366 | CEP: 90.030-120 – Porto Alegre - RS